Bruxelas: o que fazer em 3 dias

Bruxelas não é uma cidade enorme mas é uma cidade que deve ser aproveitada devagar, sem pressa. Por isso, sugiro que você a inclua no roteiro se já tiver passado pelas cidades “iêiêiê” do seu entorno. Paris, por exemplo.

Jpeg

Se já fez isso ou então tem fascinação por chocolates, arquitetura barroca e quer ver de perto o Manekkin pis, coloque a cidade nos planos mas fique menos tempo.

Bom, fiquei três dias inteiros e consegui curtir bem, o que atrapalhou um pouco foi o tempo. Chuva e mais chuva. Fora isso, o frio de 5 graus não desanimou e conheci lugares que só reforçaram a ideia de que Bruxelas é realmente uma cidade fofa e muito querida por muitos e agora por mim também.

Então  vamos ao roteiro que eu não me lembro muito bem a ordem mas lembro que fiz mais ou menos assim:

Grand Place: o pedacinho mais “conto de fadas” da cidade. Arquitetura linda, bem cuidada, wafles quentinhos e saborosos e chocolate quente da Godiva. Ahhh, passei o dia todo rodando e observando os detalhes das lojas de tapeçarias, tirando foto do Manekkin pis, me abrigando um pouco da chuva na galeria Hubert, reparando nas chocolaterias artesanais e rindo com aquelas crianças loirinhas todas encasacadas correndo pra lá e pra cá. Romântico, né? Bruxelas é romântica mesmo.

 

 

 

 

No segundo dia, tratei de ir conhecer o Palácio Real e o museu Magritte (artista surrealista incrível!)  que fica no centro da cidade, pertinho do Palácio Real e colado no museu de Belas Artes da Bélgica. Conheci também o parque do Cinquentenário, obra majestosa que hoje abriga dois grandes museus: o do automóvel e o de história Militar. Conheci o segundo e depois escrevo contando como foi.

portugal-e-belgica-550 portugal-e-belgica-626


No terceiro dia, deixei para conhecer o Parlamentarium, o centro de visitantes da União Europeia. Bruxelas é o centro-nervoso da União Europeia, lá está localizado o Parlamento e uma das três sedes da UE. Um complexo de edifícios super modernos onde trabalha gente de vários países  em prol do desenvolvimento da Europa! (li isso em algum lugar). Muita tecnologia, um centro de visitantes desenvolvido para explicar p que é e para que serve a União Europeia e seus parlamentares. Uma visão um tanto quanto eufemista, é verdade mas todo o high-tech do lugar faz a gente viajar pela Europa sem sair do lugar. Vale muito a pena e a entrada é gratuita!! eeeeeeeee!!!

Jpeg

A locomoção pela cidade não foi tão simples como em outros lugares. O metrô tem muitas linhas regulares e várias estações, porém, achar o trem certo é um desafio para os mais enrolados, tipo eu. Só depois de sentar em uma estação e parar para observar o movimento dos trens é que percebi que em uma mesma plataforma passam de duas a três linhas diferentes! Ou seja, temos que redobrar a atenção aos visores nas estações e nos trens também para não pegarmos um trem que não passará na estação que queremos. Fora isso, é bem tranquilo. (Tranquilo nada, minha gente! A blogueira aqui sofreu pra se entender no subsolo de Bruxelas mas deu tudo certo! O importante é manter a concentração!!)

Uma dica que eu dou e que foi preciosa para conhecermos mais da cidade apesar da chuva foi utilizar os serviços daqueles ônibus turísticos, hop on hop of . A chuva era tanta que  eu que não curto esse tipo de tour, considerei uma ideia interessante e de fato, foi. Não lembro ao certo mas acho que paguei 23 Euros por um bilhete com 24 horas de duração. Pelo menos deu para tirar umas fotos da cidade sem molhar a lente!!!

portugal-e-belgica-662 portugal-e-belgica-661 portugal-e-belgica-623

Bruxelas não é uma cidade cara, restaurantes razoáveis, longe da Grand Place custam em torno de 20 euros a refeição com bebida. Um wafle simples custa 2 euros, mas se você quiser enfeita-lo com calda, sorvete, marshmallow e frutas vai pagar de 1 a 1.50 Euros por cada item. Um wafle simples na Grand Place já é uma alegria mas preciso dizer que um wafle com calda quente de chocolate e pedacinhos de morango me fizeram a pessoa mais feliz do mundo naquele momento!!!

Jpeg

Um copo de chocolate quente da Godiva (tem uma loja em cada esquina da cidade), uma das lojas bambambam de chocolate, custa 3,50 e vai ser o melhor chocolate quente que você provará na vida.

A esta altura você deve estar se perguntando como está o mercado financeiro de chocolates, certo? Pois bem, não tenho a menor ideia de quantas chocolaterias diferentes Bruxelas possui, mas sei que são muitas. Muitas mesmo. E o preço vai depender do que você quer, da simples barrinha que pode custar 1 Euro até caixas de chocolates gourmet da loja mais cara que pode chegar a 300 Euros! Sim, eu vi uma caixa “edição especial” da Godiva que custava 290 Eurinhos. Pra quem pode…

Jpeg

portugal-e-belgica-522

24 thoughts on “Bruxelas: o que fazer em 3 dias

  • 02/12 at 1:47 pm
    Permalink

    Adorei informação irei a Bruxelas de 30 Dezembro a 3 Janeiro planeio ir de trem até Bruges no entanto não sei se mo dia 1 de Janeiro esta tudo aberto? Se existe funcionamento normal? Alguém me pode ajudar

    Reply
    • 02/12 at 7:29 pm
      Permalink

      Olá Samuel, obrigada pela visita!
      É bem provável que nada, mas nada mesmo abra no dia 01 de janeiro. Portanto, programe-se para passeios ao ar livre, por exemplo. Museus, comércio em geral, não abrem neste dia.

      Reply
  • 27/06 at 11:00 pm
    Permalink

    Olá juliana! Estou indo para bruxelas em setembro. Qual o melhor local para nos hospedarmos?

    Reply
  • 09/01 at 8:05 pm
    Permalink

    Muitíssimo obrigada por este post! Vou à Bruxelas com meu namorado no fim do mês e vou passar exatos 3 dias… Quando o tempo da viagem é curto eu fico super preocupada para ir já com um roteiro prévio e uma idéia geral da cidade (mapa da cidade e do metro da cidade) pra evitar contratempos… Rss Esse post me ajudou muito! Abs

    Reply
    • 09/01 at 8:30 pm
      Permalink

      Que bom Rafaela!!
      boa viagem!!

      Reply
  • 02/11 at 5:27 pm
    Permalink

    Oi Juliana, adori as dicas. Vou no final do ano p Londres, Amsterdan, bruxelas e Bruges. Minha duvida é : passo a noite do Reveillon em Amst ou Bruxelas?

    Reply
    • 02/11 at 5:31 pm
      Permalink

      Olá Cristiano, obrigada pela visita!
      Sem dúvida, passe o réveillon em Amesterdã! Bruxelas é uma cidade linda porém bem menor e mais tranquila do que Amsterdã, ou seja, deve ser menos divertida nessa época.
      abraços e ótima viagem! juliana

      Reply
  • 15/10 at 8:36 pm
    Permalink

    Olá, estrei indo a Bruxelas no fim de janeiro com intuito de conhecer as cervejarias , voce tem alguma indicação de hoteis proximos a bares como a Delirium, pelo menos o nome do bairro?

    Obrigda

    Reply
    • 17/10 at 12:33 pm
      Permalink

      Ale, a Delirium fica proxima a Grand Place que é centro da cidade. Vários hoteis bons estão nessa região.
      abs, Juliana

      Reply
  • 10/07 at 8:03 am
    Permalink

    Juliana tenho seis dias para passar entre a Hollanda e Bélgica como você acha melhor distribuir estes dias? Qual foi o período de ano que você esteve em Bruxelas? Alguma recomendação de cuidados ou de situações e locais a serem evitados em Bruxelas? Parabéns pelo blog, muito útil.

    Reply
    • 13/07 at 10:32 pm
      Permalink

      Bruxelas eh uma cidade super segura, não me senti insegura em nenhum momento. Eu ficaria três dias em Amsterdã, dois em Bruxelas e passaria um dia em Bruges, linda cidade medieval na Bélgica.

      Reply
  • 19/04 at 12:17 pm
    Permalink

    Olá, Juliana. Penso em passar 9 dias viajando com minha esposa em Maio próximo. Penso em Bruxelas(2 dias), Amsterdã (3 dias) e Paris (3 dias), retornando para Brasil. Quero ir de trem de Bruxelas para Amsterdã, e Amsterdã para Paris. Você tem ideia de preço?
    Abs e parabéns pelas dicas em Bruxelas.

    Reply
  • 09/04 at 1:42 pm
    Permalink

    Ola,amei seu Blog! Deu mais vontade ainda de ir a Bruxelass!!!!
    To ainda bisbilhiotando outros lugares aqui tbm,hahahah!
    So queria ter uma nocao de qto se gasta c comida(irei eu e meu marido).Se os pratos sao fartos(pra dividir p 2). Quero comer em lugares legais, MAS tbm quero economizar o maximo q der.
    To pensando em fzer Londres(uns 4 dias), Amsterda(2dias), Bruxelas(2 dias) e Paris(2 dias, so p fazer um city tour e dar uma apida passeada). O q vc acha?
    Em relacao a alimentacao,etc..tem dicas p me dar???
    Mais uma vez, parabens pelo blog, pelas lindas fotos!
    Aaaah…tbm sou Carioca!!
    bjinhosss

    Reply
    • 09/04 at 2:58 pm
      Permalink

      Oi Debora, obrigada pela visita. Comida é algo que tem uma variação de preços imensa! Eu costumo fugir dos restaurantes enfiados em locais muito turísticos, procuro pelo entorno e sempre acho algo bom e com bom preço. Na Bélgica, a média é de 15 euros por prato/pessoa e não dá pra dividir por dois.
      abs, Juliana

      Reply
  • 16/02 at 7:26 pm
    Permalink

    Muito legal, mas queria saber mais onde encontrar as famosíssimas cervejas belgas. 🙁

    Reply
  • 01/01 at 1:30 pm
    Permalink

    gostei muito, principalmente por nao conhecer bruxeles, mas pretendo ir em breve por la

    Reply
    • 01/01 at 3:43 pm
      Permalink

      Olá Miriam, tudo bem?
      Bruxelas é uma graça de cidade, vale muito a visita.
      abs, Juliana

      Reply
    • 30/12 at 1:50 pm
      Permalink

      opa!! Muito obrigada!!
      Feliz Ano Novo para todos nós!!

      Reply
      • 18/03 at 8:07 pm
        Permalink

        Nossa que legal estou aqui em bruxelas e vou seguir seu roteiro achei super….

        Reply
        • 19/03 at 2:32 pm
          Permalink

          Que ótimo Dudu!!
          aproveite muito e coma uns chocolates por mim!!

          Reply

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: