Museu Nacional Húngaro, Budapeste

Em toda Hungria existem mais de cem museus públicos. E poucos museus contam tão bem uma história como o Museu Nacional Húngaro (Magyar Nemzeti Múzeum). Eu não fazia ideia que a História da formação da Hungria era tão movimentada! Guerras, revoluções, reis, dominações, tragédias, conquistas.

 

E essa história está didaticamente contada neste museu que em duas ou três horas você consegue ver o acervo e entender um pouco como esse país consegue abrigar tanta diversidade.

A exposição permanente está dividida em 6 módulos muito bem montados,  ricos em acervo e informações. Eles se subdividem de acordo com a linha do tempo.

1- Entre as fronteiras de leste e oeste

 2 – História dos povos que viveram em terra húngaras desde 4000 a.C. Até o ano de 804 da nossa era.

 

 3 – A herança romana, medieval e moderna.

 

 4- Coroação  do Rei.

 5-História da Hungria de 1900  até os dias de hoje.

 

                                  

 6 -Cientistas húngaros e suas criações  no século XX.

 Com mais de 200 anos de Fundação, a coleção iniciou-se a partir da doação do acervo de antiguidades de Ferenc Széchényi e de sua biblioteca, a primeira em território húngaro.

O Palácio Real também abriga museus, entretanto, se você tiver interesse em conhecer melhor a história da Hungria, eu indico este. Não é um museu cansativo. O acervo está exposto muito bem, sem grandes truques ou avanços tecnológicos, o que se vê ali são objetos históricos, artefatos, imagens, mobiliario e reproduções. Tudo interagindo com textos em húngaro e inglês e uma clareza excepcional. Se você gosta de História e se o roteiro não estiver muito apertado, dê uma passada lá!

Bônus:

Um piano que pertenceu a Beethovenn e foi comprado por um dos maiores pianistas de todos os tempos, o húngaro Franz Lizst, está temporariamente exposto junto com recursos de mídia que nos permite ouvir algumas das suas composições. Liszt adquiriu este piano e nesta relíquia começou a compor suas primeiras obras.

 

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: