Pompéia: o que sobrou após a erupção do Vesúvio

Nessa primeira visita a Itália, alguns lugares estavam na minha lista de “prioridades”. Pompéia era uma deles. Relativamente próximo de Roma, o melhor caminho para chegar a Pompéia é por Nápoles, cerca de 23 kilometros e você pode ir de trem, contratar um passeio a partir de Nápoles ou Roma e ainda se estiver viajando de pacote,como foi o meu caso, comprar o passeio.

Eu indico a visita até mesmo para aqueles que não gostam muito de História. Recomendo ainda que você contrate o serviço de áudio guide (7 Euros) que está disponível em diversos idiomas inclusive em português de Portugal e vai ser um diferencial durante o percurso para entender tudinho com detalhes.

O dia estava ótimo para caminhar, clima bem ameno (era mês de maio), meio nublado e com direito a leve chuva no final. Dentro do parque arqueológico, onde ficam as principais ruínas é proibido entrar com alimentos, só água é permitido, por isso, faça um lanchinho antes, caso tenha saído muito cedo do hotel (o que é bem provável) e quando chegar no parque, vá ao banheiro (dica preciosa, vai por mim!).

Recoverd_jpg_file(16213)

Senta que lá vem história: Em 79 d.C. o vulcão Vesúvio – em uma erupção incomum porque o vulcão não lançou lavas incandescentes e sim gases tóxicos que formaram nuvens em cima das cidades, surpreendeu a população que sequer sabia que aquela montanha tratava-se de um vulcão. As cidades de Pompéia, Stabia e Herculano, no golfo de Nápoles, desapareceram completamente.

Recoverd_jpg_file(16214)
                                                                                                                  nossos amigos orientais

 

Recoverd_jpg_file(16215) Recoverd_jpg_file(16217)

A explosão do Vesúvio foi tão violenta que pôde ser observada em Roma que fica distante 200 quilômetros de Pompéia. A cidade permaneceu enterrada e desconhecida até o século 18 quando começaram as escavações arqueológicas que trouxeram à tona uma infinidade de objetos, afrescos, templos, arena, prédios públicos, privados e até corpos dos moradores que morreram sufocados pelos gases.

Recoverd_jpg_file(10984)

Recoverd_jpg_file(12326)

É impressionante poder rever uma cidade que literalmente sumiu do mapa, o trabalho de escavações e as descobertas feitas em Pompéia pelos arqueólogos possibilitaram descobrir uma cidade bastante desenvolvida em relação a outras da época com hábitos e costumes peculiares.

 Recoverd_jpg_file(16234) - Cópia Recoverd_jpg_file(16218) Recoverd_jpg_file(16210)
Recoverd_jpg_file(16236) - Cópia
Serviço:
O parque arqueológico abre todos os dias (exceto no Natal, 1º de janeiro e 1º de maio); a visita custa 11 Euros ( em 2013). Na entrada, pegue os folhetos explicativos . Recomendo deixar as bolsas maiores no guarda-volumes e levar somente o que você precisará: máquina fotográfica, água e boné ou sombrinha se for verão. O sol napolitano , dizem, é de torrar…

No entorno da entrada do parque existem restaurantes em hotéis e lanchonetes.

4 thoughts on “Pompéia: o que sobrou após a erupção do Vesúvio

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

%d bloggers like this: